No Brasil, o crime compensa? Uma profunda análise jurídica

A máxima dos antigos filmes de detetives de que: O crime não compensa, ganhou uma nova leitura no Brasil, ante os últimos acontecimentos na região do Vale do Paraíba e no país inteiro chego a conclusão de que no Brasil o crime compensa, sim senhor.

Isso porque as penas são brandas, a legislação dúbia permite interpretações diferentes, a justiça é lenta, a polícia incompetente, os políticos saem impunes, sempre é possível recorrer, e por tudo isso ninguém respeita as leis.

Na região do Vale do Paraíba a sensação de impunidade de políticos da região, ganhou destaque pela ineficiência dos Legislativos Municipais, e pela benevolência dos Juízes nos Tribunais.

A população em geral não consegue entender como políticos ocupando cargos públicos alvos de investigação por crimes cometidos na administração pública continuam no poder e nunca são punidos. Prefeitos de três cidades do Vale do Paraíba respondem a processos e investigações no Ministério Público, Polícia Federal e nas Câmaras Municipais, no entanto esta semana os 3 conseguiram se manter ou voltar ao cargo que ocupam.

O Prefeito de Taubaté Roberto Peixoto foi absolvido pela maioria dos vereadores no num processo de cassação, o Prefeito de Lorena Paulo Neme, cassado pela Câmara, voltou ao poder com liminar do tribunal de Justiça, e por último o Prefeito de Santa Branca Odair Leal da Rocha Junior, o Peixinho conseguiu uma liminar para deixar a cadeia acusado de tráfico de drogas e coação de testemunhas e poderá reassumir o cargo de prefeito, já que não foi cassado pela câmara de vereadores que se omitiu sobre o caso.

Como um Senador (eleito pelo Povo) acusado de corrupção no Ministério dos Transportes, não serve para ser ministro, mas volta ao Senado e não é cassado por seus pares?

Com denúncias apuradas ou não, se ele não serve para ser ministro, também não serve para o Senado. Estou louco?

Todos os presos da chamada Operação Voucher da Polícia Federal, já estão soltos e vão responder em liberdade. Só no Brasil mesmo, em qualquer país eles teriam os bens bloqueados pela justiça até o fim das investigações e seriam impedidos de sair do país como não há rigor, o crime compensa.

O Brasil que se orgulha de ter saído às ruas para derrubar um presidente, não consegue derrubar um prefeito. O povo que se orgulha de sua democracia “eletrônica”, não consegue identificar culpados e inocentes em processos intermináveis em que no final todos são inocentes, não são punidos e os culpados serão da oposição, os inimigos políticos, ou a imprensa.

Tudo muito subjetivo e mesmo com provas irrefutáveis. O crime compensa.

É claro ante a incompetência dos três poderes do Estado (Executivo, Legislativo e Judiciário) agora os crimes com penas brandas (até 4 anos de prisão), não deixam mais ninguém na cadeia.

E como não há punição o crime compensa.

Beber e dirigir, vender bebidas alcoólicas a menores, pichar muros, bater em mulheres, roubar galinhas, entre outros crimes menores não dão punição que intimide as pessoas a não os cometerem dessa forma o crime compensa.

Pessoas com passagem na polícia são como crianças sem vergonha que apanham, mas saem rindo do castigo.

Não doeu muita passagem, mas tá faltando ficarem na cadeia.

Como as decisões judiciais, ou as cassações, CPIs etc, nunca condenam ninguém, é impossível saber se foi feita justiça: Um inocente ficou livre das acusações, ou trata-se de impunidade mesmo: E um corrupto continua no poder.

Se alguém puder afirmar com certeza que realmente: Todos são inocentes até que se prove o contrário. Mas que nem todos os acusados são inocentes injustamente perseguidos, por favor, me ajude a explicar e demonstrar que estou errado e que o crime não compensa.

Afinal de contas onde há fumaça, há fogo. Mas quem colocou fogo já fugiu faz tempo.

Fonte: Marcelo Gomes Freire Advogados Associados S/S

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s